Cida exagera ao ligar aumento de denúncias à criação de força-tarefa anticorrupção
Foto: Divulgação/AEN
PP - Cida Borghetti

Cida exagera ao ligar aumento de denúncias à criação de força-tarefa anticorrupção

Tendência de aumento de denúncias aparece antes da criação de divisão especial comandada pela Polícia Civil

Corrupção Segurança Pública

Alexsandro Ribeiro
3 minutos

“Desde que a divisão [contra a corrupção] foi criada, subiu [em] 150% o número de denúncias de crimes econômicos e ações de governo no âmbito da administração pública”, disse a governadora do Paraná e candidata à reeleição Cida Borghetti (PP) durante sabatina promovida pela RIC TV, no último dia 23 – e repetida por ela nesta quarta-feira (29) em entrevista à rádio CBN.

Ela acerta ao afirmar que houve aumento no número de denúncias de crimes econômicos e de corrupção. Mas inflou o número. E não é possível relacionar o aumento com o surgimento da Divisão de Combate à Corrupção, departamento criado pela própria governadora em maio deste ano.

Sob comando da Polícia Civil, a divisão agrupa ainda Polícia Militar, Receita Estadual e Controladoria do Estado em operações de combate à corrupção. Segundo a assessoria do governo, as denúncias são recebidas tanto pelo Portal da Transparência, no canal “denuncie”, quanto por outras áreas da ouvidoria em sites da administração estadual.

Por isso, o Truco nos Estados – projeto de fact-checking da Agência Pública feito no Paraná em parceria com o Livre.jor – considera a afirmação da governadora “exagerada”.

Há dois pontos a serem considerados. O Sistema Integrado de Gestão em Ouvidorias do Paraná registrou 90 denúncias entre maio e agosto de 2018, ante 40 no mesmo período de 2017. Assim, o aumento percentual é de 125%, e não 150%.

Mais importante, porém, é a conexão apontada por Cida Borghetti. Não há como afirmar que o aumento nas denúncias se deve à Divisão de Combate à Corrupção. Em abril de 2018, mês que antecedeu o surgimento da área, registraram-se 15 denúncias de corrupção e crime econômico na Ouvidoria. Já em abril de 2017, foi apenas uma – um aumento de 1400%.

Além disso, “as denúncias vêm de áreas diversas do estado, como saúde, educação, segurança e administração em geral”, e são feitas em vários canais diferentes, informa a Ouvidoria. Portanto, não é possível atribuí-las apenas a Divisão.

Procurada para comentar o resultado desta checagem, a assessoria de Cida Borghetti não respondeu até o momento da publicação.

Atualização – Após a publicação deste texto, a assessoria de Cida Borghetti entrou em contato para dizer que discordou do selo atribuído pelo Truco nos Estados.

“De acordo com relatório da Controladoria Geral do Estado (CGE), entregue à governadoria no último dia 16 de agosto, os registros de denúncias de corrupção subiram de 30 (entre maio e agosto de 2017) para 76 (entre maio e agosto de 2018). Este balanço revela uma evolução de 153% no número de registros, amparando a declaração da governadora Cida Borghetti”, afirmou, em nota.

Porém, os dados usados pela governadora são mais antigos que os do relatório recebido via Lei de Acesso à Informação pelo Truco nos Estados.

Além disso, há uma divergência, entre os dois relatórios, quanto aos dados de 2017 – há menos denúncias no ano passado no levantamento usado pela candidata. Isso faz com que o aumento das denúncias pareça maior.

Paraná tem cumprido gasto com Saúde, mas há divergência no Tribunal de Contas
Cida Borghetti - PP
Paraná tem cumprido gasto com Saúde, mas há divergência no Tribunal de Contas

Governo computa gasto com servidores, Hospital Militar e programa Leite das Crianças para atingir os 12% exigidos pela Constituição Federal

Arruda promete que menos imposto reduz preço do gás, mas repasse do desconto é incerto
João Arruda - MDB
Arruda promete que menos imposto reduz preço do gás, mas repasse do desconto é incerto

Redução do ICMS não garante que o custo ao consumidor irá cair na mesma proporção, pois atravessadores podem aumentar margens de lucro

Aeroporto de Foz do Iguaçu recebe voo internacional, sim, Ratinho Júnior
Ratinho Júnior - PSD
Aeroporto de Foz do Iguaçu recebe voo internacional, sim, Ratinho Júnior

Ao apresentar suas propostas para incrementar o turismo no Paraná, o candidato resvalou num dado simples: Latam tem vôos frequentes de Lima para a cidade

PR Candidatos - Paraná