Cláudio Aguiar subestima desemprego em São Paulo

Número de desocupados no estado chegou a 3,5 milhões no primeiro trimestre, segundo o IBGE

Crise econômica Trabalho

Anna Beatriz Anjos
2 minutos

“Aqui em São Paulo há pouco mais de 2 milhões de desempregados.” – Cláudio Fernando Aguiar (PMN), em debate promovido pelo projeto “Universidade vai às urnas”.

Em evento organizado pelo projeto “Universidade vai às urnas”, criado por entidades estudantis do ensino superior, o candidato do PMN ao governo do estado de São Paulo, Cláudio Fernando Aguiar, respondeu a pergunta sobre desemprego. De acordo com ele, o atual número de pessoas desocupadas em São Paulo é de cerca de 2 milhões. O Truco nos Estados – projeto de fact-checking da Agência Pública, que analisa a disputa eleitoral para governador em sete unidades da Federação – concluiu que Aguiar subestimou os dados sobre esse assunto.

A última edição da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua trimestral, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em maio, aponta que em São Paulo havia 3,513 milhões de desocupados no primeiro trimestre deste ano. Aguiar disse que a quantidade de desempregados no estado é de pouco mais de 2 milhões de indivíduos, um número alto, mas inferior ao real. A assessoria de imprensa do candidato não informou a fonte da informação.

A Pnad Contínua trimestral traz a série do desemprego no estado de São Paulo desde 2012. Segundo a pesquisa, os primeiros três meses de 2018 ostentam a segunda maior marca de desocupados em sete anos, ficando atrás somente de 2017, que no mesmo período tinha 3,5 milhões de pessoas sem ocupação. A menor quantidade foi registrada em 2014, quando o levantamento identificou 1,6 milhão de desempregados no trimestre de janeiro-fevereiro-março.

Durante o debate, o candidato do PMN mencionou também o número de desempregados em nível nacional e, neste caso, chegou mais perto do dado correto. De acordo com Aguiar, o país conta hoje com 13,5 milhões de indivíduos nessa situação, informação um pouco superior à da Pnad Contínua de abril-maio-junho – dado mais recente disponível –, que apontou a existência de 12,9 milhões de desocupados no Brasil.

Márcio França exagera desconto em pedágios
Márcio França - PSB
Márcio França exagera desconto em pedágios

Governador afirmou que a tarifa diminuiu até 25% com novas concessões, mas na verdade o porcentual chega a 20%

Doria exagera criação de vagas em creches quando foi prefeito
João Doria - PSDB
Doria exagera criação de vagas em creches quando foi prefeito

Durante os 15 meses em que administrou a cidade de São Paulo foram criadas cerca de 25 mil vagas, não 42 mil

França erra taxa atual de crescimento da economia paulista
Márcio França - PSB
França erra taxa atual de crescimento da economia paulista

Produto Interno Bruto do estado não evolui 6% ao ano, como afirmou o governador

SP Candidatos - São Paulo