Plano de recuperação impede contratação de novos professores e policiais no RS
Foto: Leandro Osório/Especial Palácio Piratini
PT - Miguel Rossetto

Plano de recuperação impede contratação de novos professores e policiais no RS

Informação foi citada por Miguel Rossetto (PT) ao dirigir pergunta para o atual governador José Ivo Sartori (MDB) em debate. Lei que institui Regime de Recuperação Fiscal do estado permite contratação de funcionários apenas para repor servidores

Contas Públicas educação Funcionalismo Gestão pública Polícia Segurança Pública

Bruno Moraes
2 minutos

“O acordo [de recuperação fiscal] é explícito. Ele proíbe a contratação de policiais e professores”, Miguel Rossetto (PT), em debate no rádio.

A adesão ao regime de recuperação fiscal (RRF) foi um dos principais focos dos candidatos ao governo do Rio Grande do Sul no debate da Rádio Guaíba, em 17 de setembro. A medida está em evidência porque fundamenta as propostas para melhorar a situação financeira do estado apresentadas pelo atual governador, José Ivo Sartori (MDB), que concorre à reeleição.

Logo na primeira rodada de perguntas, o concorrente petista, Miguel Rossetto, abordou o RRF – tema sorteado pelos mediadores. Ele destacou que a adesão ao plano impossibilita novas contratações e quis saber se, mesmo assim, Sartori firmaria o acordo. O emedebista defendeu a assinatura.

O Truco nos Estados – projeto de checagem de fatos da Agência Pública, feito no Rio Grande do Sul em parceria com o Filtro Fact-checking – conferiu o que diz a Lei Complementar 159, de 19 de maio de 2017, que institui o RRF.

De fato, o artigo 8º, capítulo V, veda a criação de cargos, empregos ou funções que impliquem aumento de despesa, bem como a admissão ou a contratação de pessoal – exceto para reposição de cargos de chefia e direção, desde que não acarretem aumento de despesa, e em caso de vacância. A realização de concursos públicos também só é permitida para reposição de vacância – quando um cargo fica vago por aposentadoria, morte, exoneração, demissão, promoção, readaptação ou posse em outro cargo não acumulável.

Segundo o advogado e professor do Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Rafael Da Cás Maffini, não há brechas na lei para a contratação de novos funcionários: “parece-me que somente se poderia cogitar de admissão de pessoal e de realização de novos concursos para os fins de reposição”. Maffini também destaca que “o descumprimento de tais vedações gera a extinção do RRF”.

A afirmação de Rossetto sobre o RRF, portanto, é ‘verdadeira’, pois a contratação de funcionários públicos fica restrita somente à reposição de servidores. Não é permitida a criação de novas vagas na carreira pública estadual, por exemplo, para aumentar o efetivo policial ou o número de professores, pois isso representaria aumento de despesa para os cofres públicos, o que é vetado pelo RRF.

Eduardo Leite acerta: plano de recuperação fiscal aumenta dívida do RS
Eduardo Leite - PSDB
Eduardo Leite acerta: plano de recuperação fiscal aumenta dívida do RS

Em debate na Federasul, tucano ressaltou que os R$ 11 bilhões que podem deixar de ser pagos à União por três anos terão de ser quitados no futuro, acrescidos de juros. Ainda assim, o ex-prefeito de Pelotas afirma ser favorável à medida

Acordo pode deixar R$ 11 bi no RS, mas valor será cobrado com juros
José Ivo Sartori - MDB
Acordo pode deixar R$ 11 bi no RS, mas valor será cobrado com juros

Em programa de TV, José Ivo Sartori (MDB) defende regime de recuperação fiscal para desafogar os cofres públicos, porém ignora que o valor é uma estimativa – e terá de ser pago com juros mais tarde

RS Boato
Bandeira LGBT não substituiu a do Brasil em escola de Pelotas, como diz corrente
Bandeira LGBT não substituiu a do Brasil em escola de Pelotas, como diz corrente

Texto compartilhado por WhatsApp e Facebook afirma que bandeira do Brasil foi substituída por símbolo LGBT. Hasteamento, de fato, ocorreu durante atividades de conscientização contra a homofobia, mas não houve uma troca de bandeiras

RS Candidatos - Rio Grande do Sul